Blog do Ronaldo

31.10.2006

coisas que eu NUNCA encontro pela frente



Calma que essa é foda.
Quando eu procurava a foto da Nastassja com a cobra [post de 24.10], apareceu essa e eu fiquei de queixo caído. Não coloquei antes até mesmo por um certo recato, afinal, nu frontal, assim, sei lá. O Caco liberou então tá.
A foto é do filme "Così come sei" [Alberto Lattuada, 1978], com Marcello Mastroianni, como vocês podem ver, dando uma bela mordida na bela bunda da Kinski. Eu não vi o filme mas vou caçar até o fim dos meus dias.
Conversando com Caco sobre a foto, sem ele a ver, eu disse que devia ser o máximo pensar "caralho, tô mordendo a bunda da Nastassja Kinski". O Caco, com a sapiência de sempre, retrucou, "eu acho que ela é que deve ter pensado, caralho, tô sendo mordida pelo Marcello Mastroianni". Sem dúvida, é um ponto de vista. Cada um que tire suas próprias conclusões.
Mas uma coisa é certa, a alegria da Nastassja Kinski, os braços levantados, a bunda arrebitada, as mãos nas coxas, e a expressão de Mastroianni mordendo, aff, é uma das coisas mais sensuais que já vi na vida.


Escrito por ronas às 20h44

 ]  [ Envie esta mensagem ]

esse negócio de blogue - III

Li no blogue do Caco o comentário de um leitor que dizia não ter entendido um texto. Fiquei com vergonha alheia por ele. Não pelo Caco, óbvio, mas pelo cara. Por que é que tem sempre alguém metido a engraçadinho em blogues de humor? Será que esse cara não sabe que vivemos num país com 200 milhões de mentirosos? Por que ser diferente?
Dia desses escrevi um texto no Atonal sobre a qualidade da programação cultural na cidade. Fui meio sarcástico e tipo aconselhei os leitores a assistir ao show do Roupa Nova. Nem pro meu maior inimigo, o Adriano* da Inter de Milão no W11, eu faria isso.
E não é que uma mina escreveu um comentário que parecia um "Tratado de Tordesilhas" sobre a qualidade da programação cultural, e dizendo pra eu optar pelo "Fantasma da Ópera". A primeira coisa que eu pensei foi; putz, que mina burra. Mais tarde, em casa, copo de saquê na mão, caiu a ficha. A mina mentiu. Que puta mina inteligente.

É isso, minha gente, faça um cartunista feliz, minta.


* Adriano que passou em branco ontem à noite. Pra você, Caco: bi-campeão! bi-campeão!

Escrito por ronas às 10h40

 ]  [ Envie esta mensagem ]

30.10.2006

enquanto isso....

Um joguinho bacana que descobri hoje.

Clique aqui.

Escrito por ronas às 18h50

 ]  [ Envie esta mensagem ]

coisas que encontro pela frente



Folheto que não consigo seguir à risca.

Escrito por ronas às 01h14

 ]  [ Envie esta mensagem ]

coisas que NUNCA encontro pela frente



Marilyn Monroe em sua última sessão fotográfica, por Bert Stern.

Escrito por ronas às 01h13

 ]  [ Envie esta mensagem ]

29.10.2006

cenas de um casamento

- Olha mamãe, outro faqueiro completo!
- Mas esse é de prata, Marcela.
- Mãe, quando vou usar um faqueiro de prata? Ainda mais completo?
- Ora, querida, quandos nós formos visitar vocês, ou os Almeida Campos, ou até o governador.
- Ah, mamãe! Nem brinca! Ei, olha, um kit de café expresso, o Sandro vai adorar....
- E essas abotoaduras? Isso é ouro branco?
- Deixa eu ver. É.
- Ótimo.
- Olha só, mãe, com esses pratos a cozinha está completa. Vamos ver o que tem para o quarto. Lençois de seda, combinando com a cama; peraí, isso é seu ou do papai??
- Imagine, querida, seu pai não te deu o Audi?
- É mesmo. Que mais temos aqui?
- Está tudo ótimo, cama, mesa e banho. Além dos eletrodomésticos todos. Sua casa está pronta, querida.
- Ah mamãe, estou tão feliz.

À noite, Marcela não dormiu direito, mas não foi por causa do ronco suave de Sandro. Realmente mamãe estava certa, tenho tudo o necessário pra montar a casa. Nesse sentido, o casamento e a festa e o enxoval foram um sucesso.

Mas Marcela não queria se casar, Marcela queria uma bicicleta.


originalmente publicado em "o caos sem mambo".

Escrito por ronas às 20h40

 ]  [ Envie esta mensagem ]

ele é o cara - evite-o

Sexta-feira depois da gravação de "Fogo no Rádio", Pands, Caco e eu fomos tomar uma cervejinha no tradicional ponto de encontro das noites de gravação, um restaurante alemão ao lado do UOL.

Num certo momento, o Caco disse que não gostou do último disco do Beck, "Guero". Em príncipio não concordei, porque o Beck está entre as poucas coisas atuais que não dão uma terrível dor de cabeça logo no primeiro acorde, mas depois formulei uma tese que acho que talvez explique porque o Beck já não é tão legal. É que ele conheceu Caetano Veloso.

Antes que a mulherada atire pedras em mim de novo, vamos aos fatos.
Quem conhece Talking Heads não acredita no que aconteceu com a música de David Byrne de uns tempos pra cá. Pois então, a descida ao inferno começou depois que ele conheceu o Caetano. E bem que a MTV tentou acabar com a amizade naquele VMB em que o som atravessou, falhou, e só faltou alguém da platéia gritar "toca Raul"! Não deu certo e o David Byrne continua um chato.

Depois foi a vez do supra citado Beck.

Recentemente Caetano lançou um cd que, segundo ele, tem influências de punk. Vamos combinar que o punk é um tipo de música bem básica, direta ao ponto, cheia de energia. E não é que o Caetano conseguiu deixar o punk chato. O cara é mesmo foda, tudo que ele toca vira merda.

Hoje na Ilustrada registram o encontro de Caetano com o neo-hippie Devendra Banhart. Alguém esqueceu de avisar o cabeludo dos atributos do ex-cabeludo. Agora minha dúvida é a seguinte: é possível deixar a música do Devendra mais chata ainda?

Escrito por ronas às 00h35

 ]  [ Envie esta mensagem ]

27.10.2006

coisas que encontro pela frente



Aviso no elevador do prédio onde moro.

Escrito por ronas às 16h12

 ]  [ Envie esta mensagem ]

26.10.2006

macho que é macho

Dia desses tava conversando com o filho de um amigo meu, de 6 anos. Ele contava que já não namorava mais uma de suas duas namoradas [!!!]. Explicou que a menina não quis mais ser namorada dele porque encontrou um cara mais legal.
Aí eu disse; "pô, mas você é super legal". E ele retrucou; "que nada, esse cara é muito mais legal que eu, ele até sobe em árvore".

E aí as coisas ficaram muito mais claras pra mim e finalmente compreendi todo o universo feminino. Em uma rápida pesquisa entre minhas amigas, descobri o que é o homem ideal. Basta ter alguns dos seguintes quesitos.

1. Subir em árvores.
2. Dar estrela.
3. Assobiar bem alto.
4. Mexer as orelhas sem tocá-las.
5. Empinar a bicicleta.
6. Ganhar todas as figurinhas no bafo.
7. Gostar de dentista.
8. Saber dançar forró.
9. Ter o pau grande.
10. Ter uma conta bem gorda no banco.

Obs: obviamente sabemos que o item 10 elimina a necessidade de qualquer um dos outros itens.

Escrito por ronas às 18h52

 ]  [ Envie esta mensagem ]

25.10.2006

dica

Como todos sabem, esse site do Caco foi todo reciclado, é praticamente novo. Então é normal que a gente vá descobrindo as coisas aos poucos. E passando umas informações exclusivas. Por exemplo, para maior prazer na hora de navegar por estas bandas, sempre que eu vou acessar o blogue da Pands, eu clico nos peitinhos dela. E eu garanto, ela nunca reclamou. Algumas vezes ela até tira os óculos escuros e dá uma piscadinha.
Nas gostosas faço quase a mesma coisa. Na verdade faço coisas ainda piores, ou melhores, com as gostosas.

Agora, no blogue do próprio Caco eu não faço nada. Passo longe.
Então é isso, use a imaginação, navegue divertindo-se. Mas se alguém clicar nos meus peitinhos o tempo vai fechar.

Escrito por ronas às 23h22

 ]  [ Envie esta mensagem ]

reciclagem

Seguinte.... de vez em quando eu não vou resistir e vou colocar uns bagulhos de YouTube por estas bandas. Afinal de contas, tem imagens que valem mais que mil palavras. Mas valem mesmo? Então clique aqui e me conta depois.

Escrito por ronas às 17h08

 ]  [ Envie esta mensagem ]

24.10.2006

concorrência desleal



E por falar em fotos clássicas..... enquanto Caco vem de Simone e John, aqui a musa inspiradora de muitos sonhos [você entendeu, né?] da juventude. Nastassja Kinski fotografada por Richard Avedon, em 1981.

Escrito por ronas às 18h37

 ]  [ Envie esta mensagem ]

esse negócio de blogue - II

3097.....reload...3098....reload....3099....reload......3100.....reload....3101...

Escrito por ronas às 18h12

 ]  [ Envie esta mensagem ]

esse negócio de blogue - I

Parece ser uma coisa muito nobre estar aqui. A anarquia em verso e em prosa. O divino exercício da liberdade de expressão. A poética narcisista na nudez dos sentimentos. A verborragia escatológica das frases incompletas.
Mas a verdade é a seguinte: a gente tá aqui por causa da grana.

Escrito por ronas às 18h11

 ]  [ Envie esta mensagem ]

23.10.2006

autoplágio

- Bom dia, em que posso ajudar?
- Bom dia, eu queria uma crise.
- Ah, claro, você veio ao lugar certo, nós temos vários modelos. Veja só esse lançamento, a crise financeira...
- Quanto custa?
- Muitos milhões. Mas pode pagar em até 3 vezes no cartão.
- Puxa, eu já devo demais.
- Bem, é uma crise financeira.
- E aquela ali, azul?
- Essa é o nosso maior sucesso, a crise emocional, já vem com saquinho cheio de lágrimas e lencinhos de papel. E está em promoção, compre uma e leve duas, uma para você e uma para o seu melhor amigo.
- Bacana, tem em outra cor?
- Não, só azul.
- Eu queria uma em tons mais quentes.
- Nós temos a crise conjugal, avermelhada, em versão homo e hetero.
- Posso ver de perto?
- Claro. E então, gostou?
- É linda, mas era só curiosidade, eu sou solteiro.
- Por que você não experimenta uma crise existencial?
- Eu sou muito velho.
- É, não dá.
- Puxa, tá difícil.
- E uma coisa mais leve, um trauminha, uma dúvida?
- Eu queria uma crise mesmo. Tem de identidade?
- Hmmm, deixa eu olhar no estoque.

...

- Olha só, não temos crise de identidade no momento, mas essa aqui é a crise familiar, um pacote completo, que inclui problemas cotidianos, complexos e traumas.
- Nossa, que embalagem grande.
- Pois é, mas se você quiser nós entregamos em sua casa.
- Eu precisava de uma crise agora. Tem crise dos 40?
- Opa, claro, essa também é um grande sucesso, e temos em várias cores, veja só essa alaranjada, uma beleza.
- Adorei, eu vou levar.
- Posso ver sua carteira de identidade?
- Tá aqui.
- Mas você não tem 40 ainda.
- Então embrulha pra presente.


originalmente publicado em "o caos sem mambo".

Escrito por ronas às 14h33

 ]  [ Envie esta mensagem ]

21.10.2006

quatro dicas rápidas para deixar de fumar

Acenda um cigarro na chuva.
Ele vai molhar. Não dá para fumar.
Acenda outro. Ainda molha.
Acenda mais um, só para confirmar. É, molha mesmo, é irritante.
Então, só saia de casa para fumar em dias de chuva.

Compre um banquinho e uma corda.
Amarre uma ponta da corda no teto da casa.
Coloque o banquinho sob a corda.
Suba no banquinho.
Faça em volta do pescoço um laço com a outra ponta da corda.
Acenda seu último cigarro e chute o banquinho.

Compre um maço de cigarros e uma caixa de fósforos.
Abra o pacote e retire todos os cigarros.
Insira os fósforos de forma aleatória no tabaco, alguns com a cabeça na base, alguns com a cabeça mais para dentro do cigarro.
Embaralhe os cigarros e devolva-os ao maço.
Se você não parar após o primeiro susto, ao menos sua vida vai ficar mais emocionante.

Corte seu cigarro pela metade. Você vai fumar menos.
Quando se acostumar, corte metade dessa metade. Agora você fuma muito menos.
Acostumou? Agora corte na base do filtro e fume só o filtro por uns dias.
Se você não funcionar, então corte seus dedos.


originalmente publicado em "monstro noturno".

Escrito por ronas às 23h06

 ]  [ Envie esta mensagem ]

20.10.2006

liberdade ainda que à tardinha

Caro Sr. Caco Galhardo,

venho por meio desta solicitar a retirada imediata do post abaixo, que infringe as leis CG946/836PJ947/PP e RTY/6385KJJHUD, de 1976, da Comarca Municipal de Piraporinha do Bom Jesus. Essas leis dizem, alto e bom tom, que esse post é uma merda e expõe o autor ao ridículo.
Levando-se em conta que o mesmo autor, meu cliente, afirma ter sido obrigado por vossa senhoria a colocar o tal post [de 2001!!!], sugiro a retirada dessa calúnia, a fim de poupá-lo dos castigos das tais leis. A saber:

1. Sujeição à exposição de fatos da sua vida íntima, como aquele vídeo [não disponível no YouTube] em que vossa senhoria aparece de tanga coçando o saco na praia do Boqueirão, ao lado de Caetano, Cazuza e Ricardo Teixeira.
2. Sujeição a prisão. De ventre. Sumária.
3. 15 meses de leitura de apenas e tão somente o seu site.
4. Etc etc
5. Direito de resposta da vítima, a seguir.

ass. Djimmy Oscar, 16, advogado e pagodeiro


RESPOSTA DA VÍTIMA

Seres e ceras humanas de todo o planeta,
esse Caco fudeu com minha vida, sempre foi assim. No dia em que eu o conheci eu não tinha cartão de crédito, carro, cama, mesa e banho. Fui na dele e desde então só tenho dívidas. Tomara que esse Caco morra um dia.

Escrito por ronas às 13h07

 ]  [ Envie esta mensagem ]

19.10.2006

tecnologia de barba

Todo homem tem que fazer a barba para poder ir trabalhar mais limpinho e conquistar mais clientes e secretárias. Então uns amigos me aconselharam a comprar um barbeador elétrico, pois assim a ingrata função de barbear se tornaria muito mais prática. Todo homem quer ser prático.


1. você tem que estar peludo para poder se barbear.


2. pegue seu super barbeador sem fio que funciona com espuma e até debaixo d'água.


3. passe o creme de sua preferência.


4. ligue o barbeador e passe na sua cara.


5. viu? não funciona.


6. então pegue o barbeador tradicional.


7. viu? funciona.


originalmente publicado em "mambo e o caos".

Escrito por ronamira às 01h41

 ]  [ Envie esta mensagem ]